Objetivos

  • 1 - A ACEPS visa, como ideal, a promoção integral dos enfermeiros e outros profissionais de saúde que a ela se queiram agregar e defender os seus legítimos interesses, de acordo com os princípios e ideais da ordem social cristã e da religião católica.
  • 2 - A ACEPS prosseguirá os seguintes objectivos, bem como os demais que decorrem da sua finalidade:
    1. Defender os valores deontológicos, sociais e espirituais em causa no exercício da profissão dos associados;
    2. Contribuir para que à comunidade de saúde sejam garantidos os seus direitos perante as entidades públicas e privadas;
    3. Estudar e difundir o pensamento cristão, no domínio geral da profissão de enfermagem e da saúde, e promover a sua prática a nível local, regional e nacional;
    4. Promover o desenvolvimento geral da profissão, participando na acção sanitária e social do País, segundo a visão cristã que supõe a atenção ao homem, na defesa integral dos seus direitos fundamentais;
    5. Contribuir para a formação continua dos enfermeiros e outros profissionais de saúde, colaborando no seu aperfeiçoamento científico, técnico e humano;
    6. Assistir os associados no exercício da sua profissão, assegurando-lhes apoio social, técnico e espiritual;
    7. Representar a vontade dos associados junto dos órgãos oficiais e particulares que têm como objectivo a defesa e a promoção da saúde e colaborar com estes, sempre que necessário, na elaboração e no cumprimento de programas de âmbito local, regional ou nacional;
    8. Colaborar com organizações nacionais, comunitárias e estrangeiras, em ordem ao desenvolvimento da comunidade de saúde, participando em programas de estudo e investigação.
  • 3- Para dar cumprimento aos objectivos, a ACEPS propõe-se:
    1. Elaborar programas de acção de âmbito nacional ou regional;
    2. Promover actividades de estudo sobre problemas da comunidade de saúde para uma reflexão mais profunda, quer a nível de associados, quer a nível de enfermeiros e outros profissionais de saúde;
    3. Editar revistas e outras publicações que se julguem convenientes;
    4. Fomentar a realização de encontros com outras organizações da comunidade de saúde e o intercâmbio de enfermeiros e outros profissionais de saúde dentro e fora do País;
    5. Desenvolver quaisquer outras actividades que os seus órgãos sociais determinem para a eficaz promoção dos seus objectivos.

Cooperação

A ACEPS propõe-se desenvolver uma actividade compatível com a sua natureza específica em comunhão com a Conferência Episcopal Portuguesa e em estreita colaboração com a Conferência Nacional dos Institutos Religiosos (CNIR), a Federação Nacional dos Institutos Religiosos Femininos (FNIRF), a Federação Nacional dos Institutos Seculares (FNIS) e a Comissão Nacional da Pastoral de Saúde.