Direitos e Deveres

DIREITOS DOS MEMBROS (Artigo 8 º do Estatutos)

  1. Constituem direitos dos membros efectivos:
    1. Participar em todas as actividades associativas;
    2. Auferir de todos os benefícios e serviços proporcionados pela associação;
    3. Eleger e ser eleito para os órgãos associativos;
    4. Participar nas assembleias gerais e regionais;
    5. Consultar as actas das assembleias;
    6. Requerer a convocação da Assembleia Geral ou Regional;
    7. Solicitar assistência pessoal, técnica e espiritual;
    8. Ser informado sobre as actividades da associação;
    9. Integrar grupos de trabalho quando necessário;
    10. Propor a admissão de novos membros
    11. Constituem direitos dos membros correspondentes e honorários:
    12. Ser informado sobre as actividades da associação;
    13. Participar nas actividades da associação;
    14. Propor a admissão de novos membros;
  2. Constituem direitos dos membros estudantes:
    1. Ser informado sobre as actividades da associação;
    2. Participar nas actividades da associação;
    3. Propor a admissão de novos membros estudantes.

DEVERES DOS MEMBROS (artigo 9º dos Estatutos)

  1. Constituem deveres dos membros efectivos:
    1. Exercer a sua actividade profissional de acordo com os valores e orientações do código deontológico reconhecido pela ACEPS;
    2. Colaborar no estudo e difusão do pensamento cristão, nomeadamente na sua actividade profissional;
    3. Contribuir para a promoção e desenvolvimento da acção da associação;
    4. Contribuir para o aperfeiçoamento e dignificação da profissão;
    5. Colaborar nas iniciativas do interesse da profissão e da associação;
    6. Aceitar os cargos e funções para as quais seja eleito ou designado, salvo impedimento devidamente justificado;
    7. Proceder, atempadamente, á actualização dos dados de identificação e domiciliação;
    8. Pagar as quotas.
  2. Constituem deveres dos membros correspondentes e estudantes:
    1. Colaborar nas iniciativas da associação;
    2. Colaborar no estudo e difusão do pensamento cristão;
    3. Contribuir para a promoção e desenvolvimento da acção da associação;
    4. Pagar as quotas.
  3. Constituem deveres dos membros honorários:
    1. Contribuir para a promoção e desenvolvimento da acção da associação;
    2. Colaborar no estudo e difusão do pensamento cristão.